quinta-feira, 19 de abril de 2007

CARLOS ALEXANDRE - DISCOGRAFIA

Carlos Alexandre é a síntese!

Herdeiro direto de Evaldo Braga, é tido por alguns sensatos como aquele que mais representa a estética "brega": a sutil e genial mistura de sarcasmo com romantismo e o bom e velho esculacho!

Aí vai a discografia do mestre! Excetuando-se aí os compactos, que, esperamos, surjam o mais rápido possível.


(1978) Carlos Alexandre (Vol. 1)



Faixas:

01 Vá pra cadeia
02 Feiticeira
03 Sai do meu caminho
04 Chega de papo
05 Nosso amor virou um lixo
06 Arma de vingança
07 Último grito
08 Busca sem fim
09 Esta noite eu sonhei
10 Que fiz meu deus
11 Se eu tivesse a felicidade
12 Canção do paralítico



(1979) Voltei (Vol. 2)



Faixas:

01 Não marco encontro por telefone
02 Ciganinha
03 Palavras de carinho
04 Queria eu
05 Alo... Estou chamando
06 Não sei se devo tocar-te
07 Mulher igual a minha (só em outra geração)
08 Senhor delegado
09 Sertaneja
10 Voltei a praia
11 Não caso com viúva
12 Eu queria ter poderes 



(1980) Carlos Alexandre (Vol. 3)


Faixas:

01 India
02 Tragédia
03 Agora é tarde
04 Roupa na janela
05 Valsa do papai
06 Resposta
07 Ja troquei você por outra
08 Devastação
09 Te prendo outra vez
10 Mulheres e momentos
11 Sai
12 Rosto inocente 



(1981) Você (Vol. 4)



Faixas:

01 Mulher de muitos
02 Na esperança de encontrar
03 Caixinha de amor
04 Você
05 Primavera
06 Sendo amantes
07 Se a saudade apertar
08 Porque você não responde
09 Cabecinha branca
10 Traiçoeira
11 Vidas
12 De uma vez para sempre



(1982) Revelação de Um Sonho: Tributo a Evaldo Braga (Vol. 5)



Faixas:

01 Revelação de um sonho
02 Sorria, sorria
03 Eu me arrependo
04 Meu delicado drama
05 Alguém que é de alguém
06 Tudo fizeram para me derrotar
07 Mentira
08 Eu não sou lixo
09 Quisera eu
10 Eu nunca pensava
11 Só quero
12 A vida passando por mim



(1983) Aqui Estou Eu (Vol. 6)



Faixas:

01 Pode sorrir
02 De repente
03 Timidez
04 Cartão postal
05 Bonequinha
06 Por que você não chega
07 Aqui estou eu
08 Menina
09 Quem sou eu
10 Só agora eu sei
11 Meus filhos não devem pagar



(1984) Vem Ver Como Eu Estou (Vol. 7)



Faixas:

01 Vem ver como eu estou
02 Velha foto
03 Chora
04 Não valeu a pena
05 Sobremesa de beijos
06 Não dá pra lhe esquecer
07 Menina dos olhos negros
08 Tudo é sofrimento
09 Marcas do amor que existiu
10 É tarde pra falar de amor
11 Vem me socorrer
12 Antes que a morte nos separe 



(1985) Carlos Alexandre (Vol. 8)



Faixas:

01 Final de semana
02 Mais uma noite
03 Vem me fazer feliz
04 Estou amando
05 Esta noite eu sonhei contigo
06 Natal, cidade noiva do sol
07 Se você fosse por mim
08 Fica comigo
09 Nem pense nisso
10 Motivo
11 Fique aqui
12 Sudade matadeira



(1986) Carlos Alexandre (Vol. 9)



Faixas:

01 Gato e sapato
02 Vou pegar no pé
03 Explosão do amor
04 Deixe que aconteça
05 O céu chorou por mim
06 No meio da noite
07 A flecha do amor
08 Depois das dez
09 Olhar penetrante
10 Não vou abrir a porta
11 Toque em mim
12 Mais que amigos 



(1987) Nosso Quarto É Testemunha (Vol. 10)



Faixas:

01 Desejo ardente
02 Volúvel
03 Nosso quarto é testemunha
04 Apenas fantasia
05 Não tem mais jeito
06 Vidrado em você
07 Mais uma noite de amor
08 Bichinho de estimação
09 Por uma noite contigo
10 O amor existe
11 Sim
12 Sei sei 


linque


(1988) Carlos Alexandre (Vol. 11)



Faixas:

01 Encanto e magia
02 Jogo sujo
03 Amanhã
04 Glória ao amor
05 Eu só sei te amar
06 Hoje eu to que to
07 Tá tudo bem
08 Sonho lindo
09 Só vai dá nós
10 Me abraça
11 Pode entrar



(1989) Eternamente (Póstumo)



Faixas:

01 Eu pensei que voltaria
02 Nunca mais, nunca mais
03 Mamãe
04 Desta vez
05 A ciganinha
06 Quantos dias
07 Triste canção
08 Enquanto o amor durou
09 Feiticeira



(1989) Ao Vivo em Pesqueira (PE)


Faixas:


01 Sei, Sei
02 Ciganinha
03 Feiticeira
04 Vem Ver Como Estou
05 Vem Me Socorrer
06 Depois Das 10
07 Gato E Sapato
08 Noite Do Meu Bem
09 Eu Tô Que Tô
10 Cartâo Postal
11 Se Você Fosse Por Mim
12 Toque Em Mim
13 Final De Semana
14 Está Chegando A Hora

linque



* Créditos a Anderson Maia.

31 comentários:

Anônimo disse...

O blogger esta muito loko particularmente adoro as musikas do carlos alexandre sempre ouvia na minha juventude, os link dos disco pelo rapid sahre esta muito bom e leve e esta disponivel.

eu faço um alerta, o rapid sahre vcs devem saber melhor que eu se o arquivo ficar algum tempo inativo o arquivo é apagado, pois niguem baixa, se isto acontecer eu pesso a vcs que voltem a coloca-lo no rapid share voltem a posta-lo caso ele fique muito tempo inativo e seja excluido...

Anônimo disse...

SABE É MUITO BOM OS CDS DO CARLOS ALEXANDRE MAIS INFELISMENTE ESSE RAPSHERE NÃO OFEREÇE CONDIÇOES PARA QUE AGENTE POSSA BAIXAR E OUVI DI NOVO O NOSSO IDULO UM DIA SE ALGUEM POSTAR EM OUTRO EU DEVA BAIXAR E CURTI EM MINHA CASA COM OS MEUS AMIGOS E PARENTES ABRAÇOS

CONDINHOMEUFILHO@HOTMAIL.COM

Rogério disse...

Muito Obrigado!
Consegui baixar toda a discografia com muita facilidade... chorei de emoção...queria dizer que MÚSICA DAS ANTIGAS, já faz parte do meu PC em favoritos...
abraços...obrigado!

Rogério disse...

A desculpe...meu msn e e-mail: rocabralc@hotmail.com

michel disse...

Amigo muito bom mesmo as músicas!

minha mãe tem a coleção em disco(Vinil)eu escuto Carlos Alexandre des dos meus 6 anos e hj to com 18 e gosto pacas do cara graças a minha mãe!^^

Brigado agora podemos levar o cd e escutar aonde quisermos!

junior disse...

eu só queria agradecer,por alguem dar a oportunidade das pessoas de hoje poder ouvir musicas tao boas muito obrigado o meu nome é junior tenho 29 anos e gosto muito das musicas de CARLOS ALEXANDRE

junior disse...

eu sempre quiz ter esse tanto de musica boa em um só cd e poder ouvir a qualquer hora muito obrigado por deichar eu compartilhar dessa coisa boa.

bart disse...

Que trabalho maravilhoso, um blog como esse a gente deve dar valor, não propaganda enganosa, tudo é trabalho com dedicação, os links são funcionais e diretos, parabéns

Deixo apenas uma dica para que as músicas sejam sempre nomeadas corretamente e por serem títulos de uma canção devem estar com iniciais em Maísculo isto aperfeiçoa ainda mais o que já está excelente.
Obrigado, vou tentar baixar tudo que tiver de música antiga, sem gostei dessas músicas, porém vocês possibilitaram que eus as ouvisse novamente, sou muito grato. Novamente obrigado

Anônimo disse...

Carlos Alexandre é gênio!

poeira e cantos disse...

não tinha quase nada desse cara, valeu.

abraços

flateccruz disse...

estava nevegando no youtube quando encontrei essa raridade. lembro dos meus tempos de criança quando esse cara tocava nas radios que meus pais ouviam. gostei D+.Um Abraço.

Ninno Amorim disse...

Salve!
Música das Antigas de verdade!

Venho aqui informar um probleminha q está dando:
A mensagem de erro ao tentar descompactar é a seguinte:

Write error in the file /media/disk/home/ninno/Músicas/Carlos Alexandre/1984 - Vem Ver Como Eu Estou/vemvercomoeuestou-1984.rar_FILES/82 Vem me socorrer.mp3 [R]etry, [A]bort
Write error in the file /media/disk/home/ninno/Músicas/Carlos Alexandre/1984 - Vem Ver Como Eu Estou/vemvercomoeuestou-1984.rar_FILES/82 Vem me socorrer.mp3
O ioctl é impróprio para o dispositivo

Se alguém puder ajudar a resolver isso, serei muito grato.

Parabéns pelo blog!

gaucho disse...

Eu faço parte de uma equipe de locutorers de radio e é com este Site maravinho que consigo as musicas antigas.
assim eles podem atender seus ouvintes.

Anônimo disse...

é simplismede de mais eu sou super fâ de carlos alexadre e já procurei muito por seus sucessos que eu ñ tinha e agora estou muito feliz pois consegui todos. vcs estão de parabéns.

msmorais disse...

Oi..Também sou fã. Mas será que alguém conseguiria as capas dos discos? É pra ficar orgnizado na minha coleção. Obrigado. Abraço.

nivanea disse...

Valeu!
Muito obrigada por dividir conosco esses sucessos que marcaram nossas vidas.
Lembro com muito carinho das musicas do Carlos Alexandre, pois tocavam no parque de diversões no qual brincava na minha infancia.

Anônimo disse...

Valeu!
Obrigada por dividir conosco.
Fico muito feliz e recomento que baixem pois são músicas de primeira.

Anônimo disse...

Sou Gaúcho de Porto Alegre e fanático pelas musicas do CARLOS ALEXANDRE.Lembro que muito chorei na adolescencia(apaixonado por uma linda Guria)ouvindo as musicas deste saudoso ÍCONE da nossa Música Popular Brasileira.Hoje,ja com 51 anos e graças ao MUSICADASANTIGAS consegui voltar ao passado e reviver aquela "grande e louca paixão".Confeço que estou muito emocionado e AGRADEÇO A ESSE BLOGGE de coração.Ass.JOÃO CARLOS.E-mail:joaodeoxum2009@hotmail.com 19/01/2010.

André disse...

Saudade e respeito
No dia 30 de janeiro de 1989 recebi a notícia da morte de Carlos Alexandre que viajava para Natal, vindo da cidade de Pesqueira, no interior de Pernambuco, onde tinha ido fazer um show na noite anterior. Perto da cidade de São José de Campestre, seu carro capotou, caiu num precipício e provocou a morte do cantor, do seu guitarrista e do seu contrabaixista.

O cantor potiguar, que representava o supra sumo daquilo que a intelectualidade considera a breguice musical - rótulo do qual a indústria fonográfica da época se aproveitou para ganhar muito dinheiro - foi um fenômeno único no mundo do disco, pois conseguiu um feito até então - e creio que até hoje - nunca conquistado por nenhum artista: ganhou discos de ouro do primeiro compacto simples, ao último LP que gravou. Humilde, era padeiro, foi descoberto pelo então deputado Carlos Alberto e também realizou uma proeza rara; saiu diretamente da Cidade da Esperança para as paradas de sucesso de todo o Brasil. Semi-analfabeto, era de uma sensibilidade impressionante: fazia músicas como quem bebia água, sempre explorando temas óbvios desprezados pela maioria dos outros artistas, mas que faziam parte do dia-a-dia das pessoas mais simples. Seus discos, ao serem lançados no mercado, já saíam com pelo menos cinquenta mil exemplares vendidos antecipadamente, um verdadeiro fenômeno para a época. E isto sem nenhum esquema promocional, com um custo mínimo para a gravadora, o que resultava em um lucro tão grande que, não raro permitia à RGE cobrir os prejuízos que tinha com alguns dos "medalhões" do seu cast.

André disse...

Só com o dinheiro que faturava nos shows que fazia em Pernambuco, cantando em circos, clubes, ginásios e gafieiras, Carlos Alexandre, se fôsse vivo, estaria vivendo em uma situação financeira super confortável. Mas, além disso, ganhava dinheiro com direitos autorais das vendas dos seus discos e da execução das suas músicas nas rádios de todo o Brasil; recebia como compositor e intérprete, o que o colocava no ranking dos cantores mais bem remunerados do Brasil. Pego de surpresa pelo sucesso e sem uma assessoria competente, Carlos Alexandre era uma espécie de marajá do estilo brega: tinha fans em todo o Brasil, se apresentou nos mais importantes programas de TV da época - inclusive no Globo de Ouro - e era assediado por chacretes, cantoras famosas, mulheres do meio artístico e fora dele, por onde passava. Não sabia o que fazer com todo o dinheiro que ganhava: foi fazendeiro em João Câmara, dono de posto de gasolina - O Postinho - na Praia do Meio, proprietário de churrascaria - A Taboquinha - em Macaiba, dono de banda musical - Os Tigres - cujo ônibus êle mesmo gostava de dirigir e, no auge do sucesso, chegou a trocar de carro dezesseis vezes em um só ano, segundo li de um comentário feito por Gilvan, seu secretário por muito tempo.

Por trás da aparente ostentação, se escondia um menino ingênuo que era capaz de fazer coisas por muitos consideradas inimagináveis: muitas vezes deixava seu cachê para donos de circos pobres, dava dinheiro aos seus divulgadores, e certa vez, quando um radialista de Pernambuco disse que seu sonho era ser um dono de uma Caravan - camionete que era a sensação na época - tão bonita quanto a sua, ele simplesmente se virou para o radialista e disse: "o carro é seu". E então, entregou as chaves da sua Caravan ao radialista atônito. Fez isto por gratidão, pois havia sido este radialista que havia feito a música Feiticeira "estourar" em Pernambuco, e a partir daí, se espalhar pelo Brasil todo. Repito: aquele gesto que para muitos pode parecer o ato de um louco, representou um gesto puro de gratidão e reconhecimento por quem o ajudara a se tornar um cantor famoso.

Gratidão e reconhecimento foi o que ele não recebeu sequer da gravadora a quem dera tanto lucro, durante uma década inteira: no dia da sua morte a RGE não lhe enviou sequer uma coroa de flores; gratidão e reconhecimento também foi o que ele não recebeu até hoje na sua terra, pois, embora continue sendo amado e jamais tenha sido esquecido pelo povo, nunca sequer foi lembrado ou homenageado pelo poder público ou pelos " fazedores" de cultura do nosso estado.

Quando partiu, Carlos Alexandre tinha apenas 31 anos.

Pra ele, minha saudade e meu respeito.

André disse...

Só com o dinheiro que faturava nos shows que fazia em Pernambuco, cantando em circos, clubes, ginásios e gafieiras, Carlos Alexandre, se fôsse vivo, estaria vivendo em uma situação financeira super confortável. Mas, além disso, ganhava dinheiro com direitos autorais das vendas dos seus discos e da execução das suas músicas nas rádios de todo o Brasil; recebia como compositor e intérprete, o que o colocava no ranking dos cantores mais bem remunerados do Brasil. Pego de surpresa pelo sucesso e sem uma assessoria competente, Carlos Alexandre era uma espécie de marajá do estilo brega: tinha fans em todo o Brasil, se apresentou nos mais importantes programas de TV da época - inclusive no Globo de Ouro - e era assediado por chacretes, cantoras famosas, mulheres do meio artístico e fora dele, por onde passava. Não sabia o que fazer com todo o dinheiro que ganhava: foi fazendeiro em João Câmara, dono de posto de gasolina - O Postinho - na Praia do Meio, proprietário de churrascaria - A Taboquinha - em Macaiba, dono de banda musical - Os Tigres - cujo ônibus êle mesmo gostava de dirigir e, no auge do sucesso, chegou a trocar de carro dezesseis vezes em um só ano, segundo li de um comentário feito por Gilvan, seu secretário por muito tempo.

Por trás da aparente ostentação, se escondia um menino ingênuo que era capaz de fazer coisas por muitos consideradas inimagináveis: muitas vezes deixava seu cachê para donos de circos pobres, dava dinheiro aos seus divulgadores, e certa vez, quando um radialista de Pernambuco disse que seu sonho era ser um dono de uma Caravan - camionete que era a sensação na época - tão bonita quanto a sua, ele simplesmente se virou para o radialista e disse: "o carro é seu". E então, entregou as chaves da sua Caravan ao radialista atônito. Fez isto por gratidão, pois havia sido este radialista que havia feito a música Feiticeira "estourar" em Pernambuco, e a partir daí, se espalhar pelo Brasil todo. Repito: aquele gesto que para muitos pode parecer o ato de um louco, representou um gesto puro de gratidão e reconhecimento por quem o ajudara a se tornar um cantor famoso.

Gratidão e reconhecimento foi o que ele não recebeu sequer da gravadora a quem dera tanto lucro, durante uma década inteira: no dia da sua morte a RGE não lhe enviou sequer uma coroa de flores; gratidão e reconhecimento também foi o que ele não recebeu até hoje na sua terra, pois, embora continue sendo amado e jamais tenha sido esquecido pelo povo, nunca sequer foi lembrado ou homenageado pelo poder público ou pelos " fazedores" de cultura do nosso estado.

Quando partiu, Carlos Alexandre tinha apenas 31 anos.

Pra ele, minha saudade e meu respeito.

Elivó disse...

É meus amigos, belo trabalho, não curto as músicas de Carlos Alexandre mas tenho amigos que curte então baixo pra eles!
Parabéns pelo trabalho, sei que é um trabalho mesmo fazer tudo isso, muito bom.

Sonia disse...

Que bom ter encontrado este blog e ver as discografias lindas de Carlos Alexandre quanta alegria sente o meu peito quantas lembranças vieram a minha mente obrigada quem fez tão lindo blog

Anônimo disse...

Muito bom esse blog, excelente postagem. Música é cultura, é cultura brasileira, e não pode desaparecer.

wellington disse...

vem ni mim cachaça

Zezinho disse.... disse...

GOIANINHA 24/08/2011
GOSTEI MUITO DO BLOG
MUSICAS DAS ANTIGAS
TEM LETRA BONITA HOJE
A MAIORIA DAS LETRAS
E PURO PORNO.ENCONTREI
AS MUSICAS DO QUERIDO
CARLO ALEXANDRE GOSTO
MUITO DAS SUAS MUSICAS OK

Edu_jml@hotmail.com disse...

Olha é simplismente o maximo saber que não é só eu que ainda gosto de ouvir este tipo de música. Amo o estilo brega, adoro as músicas de Carlos Alexandre. Maravilhoso trabalho, parabens.

aluisio l.d.s disse...

ola sou amatri du brega eu cosiqui gravar touda musicas carlos alexande? su fa brega dos antigos eu sou da cidade massaranduba paraiba mais atuametri morro no rio de janeiro na cidade niteroi sou fa di carlos alexande un abraço aus toudo bregrero do brasil eu aluisio .l.s

Anônimo disse...

melhor canyo do mundo

Anônimo disse...

valeu muito obrigado por essa coleção

Unknown disse...

MUITO obrigado por resgatar a discografia completa deste cara que ´sem dúvidas o maior nome da música cafona brasileira.

Linque quebrado?

Encontrou algum linque quebrado?

Marcadores

A Patotinha (1) Abdias (2) Abílio Farias (3) Adelino Nascimento (7) Adilson Ramos (5) Adriana (4) Adriano Santa Cruz (1) Agepê (1) Agildo Ribeiro (1) Agnaldo Rayol (2) Agnaldo Timoteo (13) Alcides Gerardi (1) Aldo Sena (1) Almir Ricard (1) Almir Rogério (7) Altemar Dutra (1) Alípio Martins (9) Amado Batista (15) Amilton Lelo (8) André Amazonas (1) Angela Maria (3) Angelo Máximo (7) Antonio Carlos e Jocafi (1) Antonio Marazona (1) Antonio Marcos (15) Anísio Silva (1) Ary Lobo (1) Ary Toledo (1) Augusto César (1) Babau do Pandeiro (4) Balthazar (5) Banda Cabeça Enfeitada (1) Barros de Alencar (10) Bartô Galeno (13) Bebeto (2) Benito di Paula (2) Beto Barbosa (3) Betto Dougllas (2) Biafra (5) Bianca (2) Canarinhos de Petrópolis (1) Capital do Sol (1) Carlito Gomes (2) Carlos Alberto (4) Carlos Alexandre (15) Carlos André (5) Carlos Gonzaga (2) Carlos José (1) Carlos Santos (5) Carlos Silva (1) Carmen Silva (9) Cast RCA (1) Cauby Peixoto (3) Cesar Sampaio (5) Chacrinha (1) Chico Amaro (1) Claudia (1) Claudia Barroso (7) Claudio Di Moro (3) Claudio Galeno (1) Claudio Roberto (3) Clemilda (1) Cláudia Telles (2) Cláudio Fontana (3) Coro Infantil da FuNaBEM (1) Coronel Ludugero (1) Coroné (1) Cristiano Neves (1) Célio Roberto (3) Demetrius (1) Denis e Demian (1) Diana (15) Dicró (1) Dino Rossi (1) Discografia (14) Donizeti (1) Dory Edson (1) Dudu França (2) Ed Wilson (1) Edel Reis (1) Edson Duarte (2) Eduardo Araújo (1) Eliana Pittman (1) Elino Julião (5) Elisângela (2) Elizabeth (2) Elymar Santos (1) Erasmo Carlos (5) Evaldo Braga (16) Evaldo Freire (4) Evinha (1) Fafá De Belém (1) Falcão (5) Fernando Lelis (7) Fernando Luiz (2) Fernando Mendes (22) Franc Landi (1) Francisco Cuoco (10) Francisco Petrônio (3) Frankito Lopes (9) Fredson (3) Fábio (1) Fábio Jr (5) Genghiskan (1) Genival Lacerda (7) Genival Santos (8) Geraldo Nunes (3) Giane (3) Gilberto Lemos (3) Gilberto Reis (1) Gilliard (10) Gilson (3) Gretchen (6) Harmony Cats (1) Heleninha (1) Heleno (4) Helio Portinhal (2) Hermes Aquino (1) Ismael Carlos (5) Ivan Peter (3) Ivon Cury (1) J. Aquino (3) Jacinto Limeira (1) Jair Rodrigues (1) Jane e Herondy (11) Jerry Adriani (10) Jessé (1) Joanna (1) Joelma (7) Jorginho do Império (1) José Augusto (16) José Augusto Sergipano (1) José Orlando (1) José Ribeiro (6) José Roberto (5) João Dias (1) João Só (1) João Viola (1) Juanita (2) Juanita e Richard (2) Juca e Jeca (1) Julia Graciela (2) Júlio César (5) Júlio Nascimento (2) Kleber (1) Kátia (9) Latino (1) Leila (1) Leila Silva (1) Lenita Santos (1) Leno (1) Leno & Lilian (1) Leonardo (1) Lilian (7) Lindomar Castilho (14) Lindomar Lins (1) Lindú (1) Los Angeles (1) Luan e Vanessa (1) Luiz Américo (2) Luiz Carlos Magno (2) Luíz Caldas (1) Mamonas Assassinas (1) Marcelo (1) Marcelo Reis (2) Marcio França (2) Marcio Greyck (12) Marcio José (8) Marcos Roberto (6) Marcus Pitter (1) Maria Alcina (3) Markinhos Moura (2) Martinez (1) Martinha (2) Matogrosso e Mathias (1) Maurinho da Mazzei (1) Maurinho Jr (1) Mauro Celso (3) Mauro Sérgio (1) Maurício Reis (5) Meire Rose (1) Messias Holanda (2) Miguel Angelo (1) Miguel De Deus (1) Miltinho Rodrigues (1) Moacyr Franco (8) Nalva Aguiar (4) Nelson Gonçalves (3) Nelson Montenegro (1) Nelson Ned (6) Nilton César (8) Nilton Lamas (3) Noriel Vilela (1) Núbia Lafayette (4) Odair José (27) Onildo Almeida (1) Orlando Dias (3) Orlando Silva (1) Os 3 do Nordeste (1) Os Incríveis (2) Osvaldo Oliveira (1) Oswaldo Bezerra (3) Ovelha (3) Patrick (1) Paulo de Paula (2) Paulo Diniz (3) Paulo Henrique (2) Paulo Moraes (1) Paulo Sergio (14) Peninha (5) Perla (14) Pholhas (1) Pinduca (3) Raimundo Soldado (7) Raul Gil (1) Raul Seixas (1) Raulzinho (1) Reginaldo Rossi (21) Renato e Seus Blue Caps (1) Ricardo Braga (8) Rita Cadillac (1) Ritchie (1) Roberto Barreiros (1) Roberto Leal (2) Roberto Luna (1) Roberto Müller (4) Roberto Nunes (1) Ronaldo Adriano (4) Ronnie Von (6) Rony Cardoso (1) Rosana (2) Rosemary (4) Rossini Pinto (1) Rufino (1) Sandro Becker (4) Sara Sonaya (1) Sarajane (1) Sidney Magal (7) Silvinha (1) Silvinho (2) Sol (2) Sueli (1) Sula Mazurega (1) Sylvinho (1) Sérgio Mallandro (7) Sérgio Reis (3) Tarcys Andrade (1) Tarântulas (1) Teixeira de Manaus (2) The Clevers (1) The Fevers (6) The Golden Boys (1) Tiririca (2) Tião Macalé (1) Tony Damito (3) Trio Esperança (1) Trio Irakitan (1) Trio Nordestino (1) Trio Xamego (1) Tutti-Frutti (1) Vanusa (7) Vic McKenzie (1) Virgilio (1) Vários Artistas (82) Wagner Montes (1) Waldick Soriano (22) Waldirene (3) Waleska (1) Walter Basso (3) Wanderley Andrade (1) Wanderley Cardoso (3) Wanderléa (4) Wando (10) Wilson Miranda (1) Yahoo (1) Zenilton (3) Zezinho Barros (1) Zé Calixto (1)